DIY - Case de LEGO para Raspberry PI

Já tem um tempo que não faço algo para a minha Raspberry PI. Então resolvi dar um upgrade na case dela.

A primeira case da minha raspi era feita de LEGO também, que construi por volta de 14 de abril de 2015.

Old but gold

Apesar de funcional, ela deixava a placa meio solta do lado de dentro (balançava e eu tinha medo de danificar alguma coisa). Ai pouco tempo depois eu encomendei uma case de acrílico com um cooler.

Tempo vai, tempo vem, derrubam a minha raspi no chão durante um evento de videogames aqui em casa. Eu encomendo outras cases relativamente baratas, mas nunca encontro uma que seja realmente boa. As novas cases todas apresentaram algum problema com pouco tempo de uso. Ai um belo dia que eu estava frustrado e precisando fazer alguma coisa, resolvi que seria o dia ideal para construir uma case nova de LEGO.

Infelizmente, não tinha peças suficientes para criar uma case nova do zero, então tive de desmontar minha pequena case anterior. Pelo menos tenho registro de foto dela, então seria relativamente fácil reconstruí-la, caso fosse preciso.

Rest in pieces

Além da case, eu queria fazer um negócio mais sofisticado. Então adquiri um hub usb baratinho, e fiz uma pequena gambiarra.

Cortei a alimentação que vinha da entrada da USB, e liguei em outro cabo USB (que só possui os 2 fios de alimentação da Raspberry). Esse outro fio que eu tinha também possuia um botão de liga/desliga. Não precisei sequer fazer remendo no fio pois toda a conexão ficou imbutida na caixinha do botão.

Com tudo fechado, ficou bonitinho e funcional. Agora o cabo possui uma passagem de energia para alimentar os periféricos ligados no HUB, e um cabo de dados que pode ser ligado diretamente na USB da raspberry. Dessa forma, evita-se problemas de energia por aumentar demais a carga na plaquinha. Agora fica tudo por conta do carregador. Eu vi em alguns lugares recomendando uma amperagem acima de 2, mas com um carregador de 1A de um Samsung Galaxy antigo, estou conseguindo um resultado melhor que o esperado.

Depois de tudo ligado, foi só construir uma caixa em torno da parafernalha toda. Não faço um esquema de como construi porque teria que desmontar tudo, já que fui fazendo no olhômetro. Recomendo fazer o mesmo, pois o importante é que tenha peças de lego envolvendo completamente a placa e os circuitos, então não há uma única forma de construir isso. Talvez com as peças corretas, eu pudesse ter feito de maneira muito mais simples. Mas tive que me virar com o que eu tinha.

Aproveitei as peças de dobra antigas para criar uma tampa de fácil acesso. Usei pecinhas que possuem um furo no meio (peças pretas na tampa) para fechar a tampa e fazer com que ela não se abra tão fácil. Desse modo ela se encaixa em 2 pequenos pontos no lado oposto da dobradiça, e todo o resto é formado por peças lisas (peças de cor cinza).

Foi muito importante deixar um espaço para acessar as portas USB e o botão de liga/desliga. Deu trabalho colocar essas coisas de modo que fossem acessíveis, mas não ficassem sambando dentro da caixa. Usei o formato dos componentes para envolver o máximo possível de suas estruturas em peças pequenas, e aumentar o atrito para que eles não saiam do lugar. Para retirar essas peças seria necessário desmontar a caixa.

Outro ponto positivo de LEGO é que ele é incrivelmente compatível com quase tudo. Até o cooler da case antiga eu consegui reaproveitar. Foi só parafusar os “bracinhos” de lego nos buracos dos parafusos, e agora é possível encaixar o cooler na estrutura.

E o resultado é esse. É possivel ver ao fundo a “bagunça”. Mas comparado ao que estava antes de começar a montagem, estava muito mais bagunçado. Tinha mais de uma década que eu não mexia nos LEGO, e tive que separar tudo por cor para conseguir acessar as peças que eu precisava. Acabei encontrando uma sacola enorme de coisas que não eram lego que estavam soltas no meio do lego. ¯\_(ツ)\_/¯ Emoji

Então é isso.

Tags:

- Voltar -